+ Noticias

22/10/2018 18:34

Corinthians: Justiça aciona CBF para bloquear prêmio da Copa do Brasil por dívida com faculdade

(ESPN)

O Instituto Santanense de Ensino Superior acionou a Justiça para que o Corinthians tenha bloqueada parte do prêmio pelo vice-campeonato da Copa do Brasil, em virtude de uma dívida de R$ 2,48 milhões. A CBF já foi oficiada para que deposite o valor em juízo.

A faculdade realizou o pedido à Justiça na última quarta-feira, data da final da Copa do Brasil, vencida pelo Cruzeiro na Arena Corinthians. O requerimento foi para que fosse “determinada com urgência a penhora do valor correspondente à premiação”.

“Requer, para tanto, a expedição, com urgência, de ofício à CBF a fim de que retenha o valor em disputa na presente demanda, depositando-o em favor desse juízo, sob pena de restar inviabiliza e ineficaz a ordem”, dizem os representantes do Instituto, no processo.

No último mês de agosto, a faculdade também tentou bloquear o dinheiro que o Corinthians receberia pela venda de Rodriguinho ao Pyramids, do Egito, sem sucesso, porém.

Na ocasião, o Corinthians pediu audiência de conciliação com o Instituto, o que aconteceu em setembro, mas não houve acordo entre as partes, seguindo a cobrança.

No início do processo, em março, a dívida era de R$ 3,5 milhões, valor que chegou a R$ 4,26 milhões no cálculo da faculdade, em abril.

O Instituto Santanense chegou a conseguir bloquear as contas do Corinthians no processo, mas só recolheu aproximadamente R$ 270 mil. Em outro momento, também bloqueou as quantias recebíveis pelo clube através de operadoras de cartão de crédito.

O valor exato da dívida no momento, segundo a faculdade, é de R$ 2.485.952,11, em quantia que representa apenas o montante que o Instituto tem direito, sem os custos de processo.


© 2014 - Todos os direitos reservados  

É proibida a reprodução de matérias sem ser citada a fonte.

Redes Sociais

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo