Esportes - Geral

12/02/2018 11:08

Arena Pantanal pode voltar a receber grandes jogos

(folhamax)

A semana pré-Carnaval foi marcada por uma boa notícia para os torcedores de clubes como Flamengo, Corinthians, São Paulo, Palmeiras, Santos, entre outros, que não tem como ver os times do coração de perto. A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) autorizou a disputa de jogos em estados diferentes da sede do mandante, com limite de cinco partidas durante todo o campeonato. Essa possibilidade está vetada nas cinco últimas rodadas da competição. Para ser concretizada, a mudança precisa da concordância do time visitante e das federações envolvidas. Ou seja: a venda ou negociação do mando dos jogos, vai permitir que esses clubes atuem fora de seus domínios.

Em Cuiabá o Santos foi o clube que mais atuou na Arena Pantanal, desde a inauguração do estádio, seguido por Corinthians e Flamengo. A medida agrada em cheio empresários que vivem desse negócio, como o ex-jogador Roni (Ronielilton Pereira Santos) - responsável pela maioria das partidas do Brasileiro disputadas em Cuiabá nos últimos dois anos. Ele é dono da Roni 7 Eventos LTDA, empresa instalada em Nerópolis (G0).

A notícia que preocupa no entanto é o preço dos ingressos praticados nessas partidas fora do mando de campo original; geralmente inflacionadas quanto o mandante está entre os 10 maiores do ranking nacional. Além disso esses empresários, em breve devem solicitar ao Governo de Mato Grosso os documentos que comprovem as condições de segurança (laudos periciais) que autorizem a lotação máxima da Arena.

Sem sistema de som e nem placar eletrônico, o estádio que custou 700 milhões e recebeu quatro jogos da Copa do Mundo de 2014, ainda sofrem com improvisos.

A assembléia geral da CBF aprovou também o uso do gramado sintético, que foi liberado desde que seja adequado aos parâmetros determinados pela FIFA.


© 2014 - Todos os direitos reservados  

É proibida a reprodução de matérias sem ser citada a fonte.

Redes Sociais

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo