Esportes - Geral

07/05/2018 15:26

Matogrossenses são destaques no Gymnasiade no Marrocos

Uma modalidade implantada há pouco tempo em Mato Grosso, o Wrestling, também conhecida como Luta Olimpica, vem sendo digna de elogios, tanto na sua evolução como nas premiações que vem recebendo.

Dois atletas matogrossenses, integrantes da seleção brasileira de 15 a 18 anos, estão trazendo na bagagem medalhas de prata e bronze após brilhante participação no Gymnasiade 2018 que esta sendo realizado na cidade de Marrakesh no Marrocos. Disputada pela primeira vez no continente africano, a Gymnasiade 2018, maior evento esportivo escolar do mundo é promovido pela Federação Internacional de Esporte Escolar (ISF), reúne mais de quatro mil atletas de 50 países, no período de 2 a 9 de maio, em Marraquesh, no Marrocos.

Matogrossenses são destaques

Foto: Igor Queiroz com mascote dos Gymnasiades

Destaque para os atletas Guilherme Porto do Colégio Isaac Newton/Cuiabá, que conquistou a medalha de prata no Wrestling, luta estilo greco-romana. Um feito comemorado por todos os matogrossenses, em especial, amigos e professores do Colégio Isaac Newton.

O bronze veio com Igor Queiroz do Colégio São Benedito, também de Cuiabá, no Wrestling, estilo livre.

Ambos disputam agora os Jogos Pan-americano na Guatemala em busca de vagas para as Olimpíadas da Juventude que acontece no segundo semestre em Buenos Aires - Argentina.

De acordo com Professor Chiquinho, um dos incentivadores para a implantação do em Mato Grosso, a modalidade Luta Olimpica - o Wrestling , iniciou em 2013, do zero, e hoje é um sucesso graças ao apoio de vários parceiros, dentre esses, o professor Carlos Eilert do CREF17/MT.

“Parabéns a todos os loucos que acreditaram nesse projeto, parabéns aos atletas  que acreditaram sempre e em breve estaremos homenageando todos, pois, mesmo sendo um esporte individual, é impossível a evolução sem trabalho em equipes”, disse Chiquinho que informou ainda que a modalidade implantada em Mato Grosso, é hoje currículo obrigatório na escola Arena Pantanal.

Nerisnéia conquista medalha de prata

Quem também se destacou na competição foi a atleta sorrisense Nerisnélia dos Santos, de 16 anos, que conquistou a medalha de prata na prova do salto triplo na categoria sub-18.

Em virtude de uma dor no tornozelo, Nerisnélia precisou saltar apenas três vezes, das seis prevista, para a conquista da medalha.

De acordo com o técnico Marcos Vieira, um salto espetacular para uma atletas que superou as dores e assim como os demais atletas, busca uma vaga para a Olimpíadas Escolares.

Com 55 medalhas, Brasil continua na briga pelo primeiro lugar na Gymnasiade

A maior delegação participante da Gymnasiade, mundial escolar que reúne os melhores atletas de 58 países entre 15 e 18 anos, o Brasil, atual campeão mundial, está na briga para conquistar o bicampeonato. Até agora, o país tem 55 medalhas, sendo 19 de ouros, 16 de prata e 20 de bronze.


© 2014 - Todos os direitos reservados  

É proibida a reprodução de matérias sem ser citada a fonte.

Redes Sociais

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo