Esportes - Geral

05/10/2019 14:43

Indígena visita o CT do Palmeiras e clube doa 100 camisas para aldeia no Alto Xingu

(rdnews)

Os indígenas da aldeia Utawana, situada em Gaúcha do Norte (a 400 km de Cuiabá), no Alto Xingu, receberam 107 camisas do Palmeiras. Os uniformes de jogo e treino, que agora são usados para diversão dos indígenas da etnia Mehinako, foram entregues a Iene Mehinako, que visitou a Academia de Futebol em São Paulo e recebeu tratamento vip do elenco de jogadores.

“Cerca de 1.600 km separam o Alto Xingu do Allianz Parque. Um amor sem fronteiras, um time de todos os povos. É muito mais do que futebol”, postou o Palmeiras nas redes sociais.  

Iene esteve em São Paulo nesta semana para vender artesanato e recebeu convite da assessoria de imprensa   para conhecer o CT.  Em conversa com jogadores, como atacante Dudu e o goleiro Weverton, mostrou fotos da sua oca decorada com quadros do Palmeiras.  

“Muito feliz, muito emocionado. Meu sonho se realizou, vim aqui. Estou muito feliz, muito feliz mesmo”, disse o indígena à TV Palmeiras.

A aldeia Utawana   tem  cerca de 200 habitantes, que são apaixonados por futebol. No local, existem três campos. Os homens se enfrentam em equipes de 11 jogadores no esquema  “casados x solteiros”.  As crianças costumam se enfrentar nos campos menores, em partidas de 5 x 5. As mulheres também jogam bola.

Na região também acontecem campeonatos e jogos amistosos contra outras aldeias e até mesmo competições em outras cidades. Na aldeia, existe até o time oficial, o Utawanase Futebol Clube, que já percorreu boa parte do Xingu para participar de torneios.  (Com informações do Globo Esporte)

 

© 2014 - Todos os direitos reservados  

É proibida a reprodução de matérias sem ser citada a fonte.

Redes Sociais

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo