Notícias

04/07/2018 16:57

O Complexo concorre ao Grande Prêmio do Cinema Brasileiro

(nativanews)

O premiado documentário O Complexo (2017), produção da Forest Comunicação em parceria com o Instituto Centro de Vida (ICV) e o Fórum Teles Pires, foi selecionado para concorrer a mais um prêmio, na categoria Documentário: o Grande Prêmio do Cinema Brasileiro, do canal Curta. Em sua 17ª edição, o objetivo do projeto é promover o interesse do público pelos filmes que competem sob Voto Popular. Nesta edição, a mostra com os filmes vencedores ocorrerá entre os dias 2 e 17 de setembro no Canal Curta.

O documentário, dirigido por Thiago Foresti, tem 26 minutos de duração e trata da construção e impacto de quatro usinas hidrelétricas e algumas Pequenas Centrais Hidrelétricas (PCHs) sobre a bacia do Rio Teles Pires. O filme relata o impacto sobre as vidas de pescadores, indígenas e assentados que vivem no entorno das obras – e, que tiram do rio seu sustento. Também expõe a discrepância entre os discursos dos responsáveis pelas obras e as violências sofridas pelas comunidades.

Tensão presente

Os problemas mostrados no documentário não apenas não melhoraram, como alguns se intensificaram. Em outubro passado, a Força Nacional de Segurança Pública foi chamada para garantir a segurança das obras da Usina (UHE) São Manoel, em Alta Floresta, na divisa entre Mato Grosso e Pará.

O Ministério da Justiça liberou o emprego da Força Nacional de Segurança Pública em outubro com a previsão de que, inicialmente, os policiais permaneceriam na região até o dia 31 de dezembro. Mas, em 26 de dezembro, para garantir a continuação da construção, o ministro da Justiça, Torquato Jardim, prorrogou o prazo e determinou a permanência da Força Nacional até o dia 28 de fevereiro. Novamente, o decreto divulgado no Diário Oficial da União, prorrogou o prazo para 90 dias a permanência da Força Nacional em Mato Grosso, ou seja, até o final de maio. Mesmo agora, em julho, ainda não foram divulgadas informações sobre a possível prorrogação e a permanência ou não deles.

O Prêmio

A mostra dos Filmes Finalistas foi criada com o intuito de promover os filmes finalistas do Grande Prêmio do Cinema Brasileiro e incentivar a formação de plateia. O projeto foi criado em 2014, e, desde então, são realizadas exibições dos longas metragens que concorrem ao Voto Popular nas categorias: Melhor longa-metragem Ficção, Melhor longa-metragem Documentário e Melhor longa-metragem Estrangeiro. Hoje o prêmio está em seis estados brasileiros: Rio de Janeiro, Santa Catarina, Minas Gerais, Maranhão, Paraíba e São Paulo.

Confira a lista de premiações

Prêmio de Melhor Documentário

Festival Internacional de Cinema Socioambiental PLANETA.Doc, 2016 – Florianópolis, SC.

IV Festival Brasil de Cinema Internacional, 2017 – Rio de Janeiro

Mostra dos filmes ganhadores do 4º FBCI no cinema Jóia de Copacabana – Rio de Janeiro

6º Cine Kurumin / Festival de Cinema Indígena, 2017 – Salvador e Aldeia Tupinambá, BA

Exibição na TVE Bahia / Edital do Cine Kurumin, 2017 – Salvador, BA

Prêmio de Outstanding Excellence

Docs Without Borders Film Festival, 2017

The International Kuala Lumpur Eco Film Festival, 2017 – Kuala Lumpur, Malásia

Mostra paralela do Festival do Filme Etnográfico do Recife, 2017 – Recife, PE

Green Film Festival / Filmambiente, 2018 – Brasília, DF

Mostra em eventos das filiais da Agência Francesa de Desenvolvimento (AFD)


© 2014 - Todos os direitos reservados  

É proibida a reprodução de matérias sem ser citada a fonte.

Redes Sociais

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo