Notícias

06/07/2018 09:14

MTur destina R$ 41,2 milhões para Mato Grosso. Alta Floresta não será contemplada

O ministro do Turismo, Vinicius Lummertz, anunciou na tarde desta quinta-feira (05) o empenho de R$ 41,2 milhões para o estado do Mato Grosso. Os recursos serão utilizados para obras de melhoria de infraestrutura turística em 16 municípios, incluindo Cuiabá. A capital, que completa 300 anos em 2019, será contemplada com R$ 17 milhões, recursos destinados a importantes obras para o turismo na cidade.

A divulgação dos repasses para a capital do estado foi feita em cerimônia realizada na Secretaria de Educação de Cuiabá e contou com a presença do prefeito, do secretário Nacional de Estruturação do Turismo, José Antônio Parente, e da presidente da Embratur, Teté Bezerra. No evento, o ministro Vinicius Lummertz assinou o ato de autorização do edital de licitação das obras no Mercado do Porto, Cais do Porto e a segunda etapa da Orla do Porto. Além disso, foram anunciados o empenho de R$ 1,2 milhão de emendas parlamentares para infraestrutura na Orla do Córrego do Cajú e criação de uma praça na cidade.

“Mato Grosso tem um enorme potencial turístico com um diferencial importante que é o fato de agregar 3 biomas: Amazônia, Cerrado e Pantanal. Precisamos atrair mais turistas e consequentemente mais investimentos. Para isso é necessário a infraestrutura e por esse motivo o anúncio que fazemos aqui é tão importante”, comentou o ministro do Turismo, Vinicius Lummertz.

Além dos investimentos em Cuiabá, 15 municípios do estado receberão R$ 24,3 milhões. São eles: General Carneiro, Nova Brasilândia, Pedra Petra, São Félix do Araguaia, Matupa, Novo São Joaquim, Sinop, Vera, Aripuanã, Barra do Garças, Bom Jesus do Araguaia, Guaranta do Norte, Primavera do Leste, Sana Terezinha e Vila Rica. Entre as obras de destaque estão a construção do parque ecológico em Nova Brasilândia, construção de praça em Bom Jesus do Araguaia e a revitalização da infraestrutura turística do Parque Florestal de Sinop.

Apesar do potencial turístico, município de Alta Floresta não esta relacionado

“Temos trabalhado em parceria com o Ministério do Turismo e a Embratur em inúmeras ações como as que qualificaram 1,5 mil profissionais no estado além do fortalecimento do trabalho do conselho municipal do turismo que registrou de 2016 para 2017 em um incremento de 20% no turismo em Cuiabá. Por esse motivo um anúncio como esse é tão importante. Mostra que, quando trabalhos em conjunto, alcançamos resultados importantes”, comentou Francisco Vuolo, secretário de Turismo de Cuiabá.

Prodetur + Turismo - A capital Mato-Grossense, Cuiabá, ainda recebeu o primeiro selo Prodetur + Turismo do Centro-Oeste. O ministro do Turismo, Vinicius Lummertz, fez a entrega do documento que garante prioridade na tramitação da linha de crédito para o prefeito da cidade, Emanuel Pinheiro. O projeto apresentado, no valor de R$ 300 milhões, tem como objetivo impulsionar o turismo regional por meio de obras de infraestrutura turística.

O montante será investido em sinalização viária e turística da cidade, a Linha Verde de Acesso Turístico e a revitalização do Morro da Luz e construção da torre dos 300 anos. “Estamos muito felizes nessa cerimônia, porque com esses recursos vamos poder fazer mudanças importantes na infraestrutura turística da cidade como parte das comemorações de 300 anos da nossa cidade”, disse o prefeito.

Os valores solicitados fazem parte de uma linha de crédito do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) no total de R$ 5 bilhões, o Programa Nacional de Desenvolvimento e Estruturação do Turismo (Prodetur+Turismo). O montante está disponível para estados, municípios e empresários que querem investir no turismo.

registrado em: 

© 2014 - Todos os direitos reservados  

É proibida a reprodução de matérias sem ser citada a fonte.

Redes Sociais

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo