Notícias

07/08/2018 16:42

EM ALTA FLORESTA - Direção de escola denuncia estudantes por aterrorizar e amedrontar professores e colegas

(olivre)

A direção da Escola Estadual Rui Barbosa, em Alta Floresta (775 km de Cuiabá), denunciou na manhã desta terça-feira (07) três estudantes por supostamente estarem aterrorizando professores, funcionários e alunos.

Os três estudantes têm 14 anos e um deles, apesar da idade, já é “velho conhecido da polícia”, com 16 ocorrências registradas. Esse aluno, por determinação judicial, só poderia assistir aula acompanhado por um responsável.

Porém, “a genitora do mesmo acompanhou por duas vezes e não mais compareceu. Ele frequenta o colégio e, quando questionado da situação, fica alterado e ameaça a integridade física de funcionários e professores”, consta no boletim de ocorrência.

Nessa segunda-feira (06), segundo a direção afirmou à polícia, dois estudantes do grupo denunciado praticaram bullying contra um aluno portador de necessidade especial, empurrando-o, humilhando-o e perseguindo o garoto por todo o período da aula.

Ao serem questionados sobre a perseguição, os estudantes mais uma vez ameaçaram professores e funcionários.

A direção pediu que os pais dos alunos comparecessem à escola para falar sobre o ato e as ameaças praticadas. Porém, o pedido resultou em ainda mais ameaças, dessa vez unidos ao terceiro estudante denunciado.

No boletim de ocorrência os policiais relataram que foram até a escola e encontraram os funcionários acuados e com medo do grupo de estudantes.

Por isso, os três foram conduzidos à viatura para serem levados à delegacia. Durante a detenção, um dos estudantes demonstrou preocupação com seu celular, dizendo que iria apanhar se os policiais vissem algo que estava no aparelho.

O colega, então, imediatamente escondeu o celular na mochila de outro estudante. Porém, este, ao perceber a ação, entregou o aparelho à direção. O celular será entregue à Polícia Civil e passará por perícia.

O Conselho Tutelar foi acionado para acompanhar a condução dos estudantes à delegacia. A direção também orientou que os pais dos adolescentes fossem acionados, o que foi feito. Porém, não houve resposta dos responsáveis.

Os três foram levados para a Delegacia da Polícia de Alta Floresta por volta das 08 horas desta terça-feira (07).


© 2014 - Todos os direitos reservados  

É proibida a reprodução de matérias sem ser citada a fonte.

Redes Sociais

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo