Notícias

11/06/2019 18:23

Defesa Civil reforça alerta de cuidados para o período de estiagem

(Ascom)

Com calor excessivo e tempo seco, resultado da falta de chuva, a Defesa Civil de Alta Floresta reforça o alerta para que a população tenha alguns cuidados domésticos neste período de estiagem prolongada. A preocupação é com pequenas ações que podem aumentar as queimadas e afetar a saúde das pessoas.

Alguns pequenos atos podem minimizar os efeitos do período, a recomendação é para que as pessoas evitem jogar cigarros ou fósforos acesos às margens das rodovias, uma atitude que pode provocar queimadas e até incêndios de grandes proporções. Outro alerta é quanto a colocar fogo em mato, considerado crime ambiental previsto no Código Penal Brasileiro, no Código Florestal e na Lei de Crimes Ambientais.

Além destes cuidados para evitar incêndios, o coordenador municipal da Defesa Civil, Modesto Paulino explica que é importante evitar contato com eventuais chuvas, pois as chances de que aconteça uma chamada chuva ácida são maiores. De acordo com o órgão, substâncias químicas que se acumulam durante o período de estiagem se misturam ao vapor de água e voltam para a terra em forma de chuva ácida.

Saúde

Em relação à saúde, a orientação médica é beber muita água, usar roupas leves, se alimentar de forma adequada, comer frutas, verduras e legumes, evitar coçar os olhos e usar soro fisiológico nas narinas.

A população também deve evitar objetos que acumulem poeira em casa ou no trabalho, como tapetes, cortinas e bichos de pelúcia. Nesta época, outro vilão para a saúde é o ar condicionado, que resseca ainda mais o ar. Para umedecer o interior da casa, a dica é usar toalhas molhadas ou baldes de água em locais seguros.

 

© 2014 - Todos os direitos reservados  

É proibida a reprodução de matérias sem ser citada a fonte.

Redes Sociais

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo