Política

06/12/2017 16:31

Lei aprovada na Assembleia permite Mato Grosso economizar R$ 111 milhões por ano

(hipernoticias)

A Assembleia Legislativa aprovou, na sessão da última terça-feira (5), a mensagem do governo que autoriza o Estado de Mato Grosso a renegociar dívidas com a União na ordem de R$ 2,1 bilhões. Segundo estimativa do líder do governo, deputado estadual Dilmar Dal'Bosco (DEM), a medida vai possibilitar ao Estado poupar, anualmente, cerca de R$ 100 milhões até 2027.

A renegociação deverá ser possível graças a aprovação da Emenda do Teto de Gastos estaduais, no final do mês de outubro. "Vai dar um alívio anual, no caixa do governo, previsto na ordem de R$ 111 milhões no convênio que foi feito entre o governo federal e o governo estadual, até 2027", afirmou o deputado ao HiperNotícias

A economia anual, segundo o parlamentar, representa 44% do fluxo de caixa anual da dívida pública. Somado a isso, na renegociação o governo deve reduzir a dívida em torno de 10%, caindo de R$ 2,11 bilhões para R$ 1,9 bilhão. O Palácio Paiaguás deve encaminhar a Lei aprovada pela AL, até o dia 7, ao Governo Federal para garantir a adesão do Estado ao programa que alonga o período da dívida. 

De acordo com Dilmar Dal'Bosco, a redução no valor da dívida em R$ 223 milhões e o alívio anual de R$ 111 milhões é uma economia "a parte" da gerada pela Emenda do Teto de Gastos Estaduais. "O Estado já estava em débito com o governo federal, somando tudo dá R$ 1,3 bilhão até o exercício de 2019", afirmou Dal'Bosco.  

“Depois vai continuar até 2027, na economia de mais R$ 110 a 111 milhões por ano", finalizou o líder do governo. 


© 2014 - Todos os direitos reservados  

É proibida a reprodução de matérias sem ser citada a fonte.

Redes Sociais

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo