sábado, 20 abril, 2024
24.5 C
Alta Floresta

Luíse Braga e Samuel Santana brilham no Sub-20 da Copa Brasil de Cross Country

Date:

Poços de Caldas – Luíse Braga (CASO-DF) e Samuel Santana (EEPG-SP) venceram as provas da categoria Sub-20 na Copa Brasil Loterias Caixa de Cross Country, disputada na manhã deste domingo (26/11), no Parque Ecológico Municipal Jardim Esperança, na cidade mineira de Poços de Caldas.

Luíse Rosa Braga (CASO-DF) é corredora de meio fundo – 800 m e 1.500 m -, mas pediu ao treinador João Sena para disputar a Copa Brasil – nunca havia corrido uma competição de cross. “Eu quero, eu quero e daí eu tive de montar um grupo para trazer”, contou Sena. Luíse e os colegas viajaram de ônibus de Brasília a Poços de Caldas. “Foi o dia todo no ônibus”, comentou Luíse.

O cross serve de preparação para a próxima temporada de pista. “É a minha primeira competição, o primeiro cross da minha vida, estou muito feliz. Foi minha estreia e estreei como campeã, não tenho palavras para descrever a minha felicidade”, disse. “Vai me ajudar para 2024.” A atleta que completou os 6 km em 26:50, mostrou-se muito feliz. “Fiz uma boa preparação, em altitude, com muita subida, terra, brita e isso me ajudou a ficar muito forte e resistente”, comentou.

Samuel também mostrou boa condição nos 8 km da categoria Sub-20, após ser o terceiro colocado no ano passado em Bragança Paulista (SP). “Eu já tinha corrido aqui no Sul-Americano os 8 km do Sub-20 e sabia que seria uma prova dura porque treino na altitude de 700 m e aqui é 1.200 m. O Cross Country de Poços de Caldas é para quem aguenta, se não tiver raça e força de vontade não chega não”, disse Samuel que completou a prova em 30:15.

O atleta de 18 anos, agora pensa no futuro. “Agora estou na expectativa de o Pan-Americano ser realizado. Se tudo der certo vou treinar para o Pan. Para o meu futuro vou passar pelos 5.000 m e 10.000 m, mas almejo mesmo a meia maratona e a maratona”, disse o corredor, que ficou 2 meses tratando de uma lesão no joelho direito.

O atleta indígena da etnia Xavante Manuel Tsiwario (Barra do Garças-MT), campeão do ano passado no Sub-18, terminou em 19º lugar em sua estreia no Sub-20 (34:44). Também a disputa do Sub-18 teve um atleta indígena de Barra do Garças: Aldo Neto Tserebe Tesete Uhi, em 15º nos 6 km (25:38).

O campeão da Copa Brasil no Sub-18 foi Valdir Souza Rocha Jr, de Rio Verde, Goiás, onde treina numa pista de terra de brita. Disputou brasileiros sub-16 nos 3.000 m e nos 1.500 m, conseguindo dois vice-campeonatos e um quarto lugar. “Sempre batendo na trave. Finalmente veio o ouro”, disse Valdir, que também correu o primeiro cross da vida.

No feminino, a vitória foi de Isabele dos Santos Carlos (Clã Delfos-MG) no Sub-18. “Achei facilidade no cross. Onde eu moro, em São José dos Campos, tem só uma pista de terra que o meu pai fez”, contou a atleta de 16 anos. Ela disputa as provas dos 1.500 m e dos 3.000 m em pista.

As provas feminina e masculina dos 2 km adulto fecharam a competição. Ela definiram a formação do revezamento 4×2 km do Brasil para o Campeonato Pan-Americano de Cross Country, que ainda não tem data nem local definidos. July Ferreira (Praia Clube/Exército/Futel/MG) venceu a prova feminina, com 7min25, enquanto Leonardo Santos de Jesus (Pinheiros-SP) ganhou a masculina, com o tempo de 6min12.

A cerimônia de abertura contou com a participação do Secretário de Esportes da Prefeitura de Poços de Caldas, Fernando Henrique dos Santos, o Pelé. “Em Poços respiramos esportes. A cidade passa por um bom momento econômico e em várias outras áreas como o turismo, a cultura e o esporte. Vamos brigar para trazer eventos para a cidade”, afirmou Pelé. A cerimônia contou com a presença também de Wlamir Motta Campos, presidente do Conselho de Administração da CBAt, de Hélio Gesta de Melo, presidente da Atletismo Sul-Americana, e de Cláudio Castilho, diretor executivo da CBAt.

Os cinco primeiros colocados no Sub-20:

Masculino – 8 km

1 – Samuel Costa Santana (ECPG-SP) – 30:15

2 – Gustavo dos Santos Silva (Orcampi-SP) – 30:23

3 – Pedro Henrique da Luz de Freitas (ASCORT-RS) – 30:46

4 – João Pedro Alves (Barra do Garças-MT) – 31:13

5 – Adoniram Carey de Oliveira (AJA-Jacareí Atletismo-SP) – 31:32

Feminino

1 – Luise Rosa Braga (CASO-DF) – 26:50

2 – Sabrina Gabrieli Pena (PREMA – Apucarana-PR) – 27:03

3 – Kauane Rebeca Joaquim (IPEC/Londrina-PR) – 27:06

4 – Helena Mees Valério (PM São José Pinhais-PR – 27:50

5 – Ana Mees Valério – (PM São José Pinhais-PR) – 28:05

Mais informações sobre a competição, como resultados completos

CLIQUE AQUI

O Grupo Prevent Senior patrocina o atletismo brasileiro, oferece medicina esportiva de precisão e estilo de vida para os que se ligam no esporte e apoio às competições.

As Loterias Caixa são a patrocinadora máster do atletismo brasileiro.

Compartilhe:

você vai gostar...
Relacionado

Brasil fica com 2 bronzes Internacional de Parabadminton Espanha

Vitor Tavares perdeu nas semis do simples do Internacional...

Arthur Nory é bronze em Doha, mas não consegue vaga olímpica

O brasileiro Arthur Nory conquistou a medalha de bronze...

LEIS DE MATO GROSSO – STF valida cadastro de pedófilos e condenados por violência contra a mulher

O Plenário do Supremo Tribunal Federal (STF), por unanimidade,...

Via Brasil BR-163 – Programação Semanal de Obras na BR-163 e BR-230

Semana de 15/04/2024 a 20/04/2024 - Via Brasil BR-163, empresa...
Feito com muito 💜 por go7.com.br