segunda-feira, 4 março, 2024
25.9 C
Alta Floresta

AMPLIAÇÃO DO PRÉDIO – AL planeja obra de R$ 60 milhões

Date:

Apesar da contenção de despesas adotada pelo governo do Estado, o que leva a dificuldade dos poderes constituídos em receber o duodécimo mensal, o primeiro secretário da Assembleia Legislativa, Ondanir Bortolini, o ‘Nininho’, declarou que planeja apresentar até o final de janeiro de 2017 um projeto executivo e edital de licitação para contratação de uma empresa de construção civil que faça a ampliação da estrutura física do Palácio Dante Martins de Oliveira, prédio que abriga a Assembleia Legislativa.
O presidente da Assembleia Legislativa, deputado estadual Guilherme Maluf (PSDB), determinou a suspensão dos estudos do projeto.Com investimento estipulado inicialmente em R$ 60 milhões, a obra é questionada por outros parlamentares pela delicada situação financeira do Estado. Atualmente, o Legislativo está com dois duodécimos atrasados por falta de repasses do Executivo, o que corresponde a aproximadamente R$ 72 milhões.

Porém, o deputado Nininho se articula para entregá-lo ao futuro presidente do Legislativo que assume o cargo a partir de 1º de fevereiro de 2017, deputado estadual Eduardo Botelho (PSB).

“Já está concluído e vou entregar no dia 31 de janeiro. O projeto estará dentro das normas e com dinheiro em caixa para o próximo gestor concluir. Espero que deem início e seja concluído”, disse.

Nininho ainda rebateu a alegação de que a insuficiência de caixa no governo do Estado que leva a dificuldade de repasses financeiros ao Legislativo seja impeditivo para uma ampla reforma no Palácio Dante Martins de Oliveira.Ronaldo Mazza-ALMT

Deputado Nininho diz que obra é essencial para AL atender melhor a população.

“Não tem nada a ver com crise. Se nós fizemos economia e existem recursos financeiros, não há motivos para não ser feita. Se a população não entender, cada um vai pra casa. Temos que dar conforto aos servidores e à população”, sustenta.

O projeto de ampliação da estrutura física da Assembleia Legislativa prevê a construção de cinco pisos de estacionamento, um restaurante para atender mais de mil servidores do Legislativo e uma creche para atender de 80 a 100 crianças e destinada aos filhos dos servidores.

Há ainda uma unidade do Ganha Tempo para atender a população em geral, uma escola do Legislativo com parceria com a Universidade Estadual de Mato Grosso (Unemat) com o intuito de oferecer cursos superiores aos servidores públicos, uma biblioteca e uma sala Vip para receber autoridades.

Nos últimos anos, a Assembleia Legislativa gastou R$ 29,677 milhões com a construção do “Teatro Cerrado – Zulmira Canavarros”. O projeto ainda incluiu um estacionamento.

Compartilhe:

você vai gostar...
Relacionado

SEGUNDO POLICIAL ENCONTRADO – Governador e primeira-dama lamentam morte do soldado Teixeira

O governador Mauro Mendes e a primeira-dama do Estado,...

Brasileiros conhecem primeiros adversários no Pré-Olímpico

(Foto: Wander Roberto/COB)Neste domingo (3), começa o primeiro Pré-Olímpico...

Darlan Romani termina em sétimo no peso no Mundial Indoor de Glasgow

O atleta catarinense, do Praia Clube/Exército/Futel-MG), com a marca...

Comissão internacional aprova novas regras no futebol para julho

A International Football Association Board (IFAB), entidade que cuida...
Feito com muito 💜 por go7.com.br