quinta-feira, 20 junho, 2024
17.6 C
Alta Floresta

Setor florestal de Mato Grosso promove rodadas de negócios durante feira internacional na França

Date:

Mais de 670 expositores do mercado global apresentam produtos e soluções para os setores da construção, moveleiro e outros públicos de interesse

Qualidade e procedência dos produtos madeireiros de 46 espécies nativas comercializadas pelas indústrias de base florestal de Mato Grosso despertam atenção de compradores e distribuidores de diversos países durante a Carrefour International du Bois.  Realizada no Exponantes, em Nantes, na França, a feira atraiu importadores da Bélgica, Alemanha, Itália, Portugal, Dinamarca, África do Sul, Estados Unidos, além da França, entre outros países com potencial florestal. Foram realizadas várias rodadas de negócios entre distribuidores de produtos de madeira nativa de Mato Grosso e associações, representantes de cooperativas, artesãos e consumidores no espaço exclusivo ocupado pelo Centro das Indústrias Produtoras e Exportadoras de Madeira de Mato Grosso (Cipem) no local.

Durante os 3 dias do evento, iniciado na terça-feira, 28, e que encerrado na quinta, 30, aproximadamente 670 expositores do mercado global apresentam produtos e soluções para os setores da construção, moveleiro e stakeholders. O encontro bienal é o mais importante do segmento, com representantes das indústrias de processamento de madeira, fabricantes de máquinas e ferramentas, design de interiores, decoração, móveis e iluminação.

A feira é uma plataforma essencial para descobrir inovações, estabelecer parcerias comerciais e acompanhar as tendências do mercado. “Estamos estabelecendo uma conexão direta com os produtores de madeira de Mato Grosso, criando assim uma rede de relacionamento permanente com os principais consumidores de madeira do mundo. Mostramos que temos produtos de qualidade e em quantidade suficiente para suprir a demanda, fornecendo grandes volumes e trabalhando em blocos”, citou o presidente do Cipem, Ednei Blasius. Entre as espécies arbóreas mais procuradas pelo mercado consumidor internacional estão angelim-pedra, ipê, cumaru, itaúba, garapa, jatobá, cerejeira, cedro amazonense, jequitibá-rosa, caixeta, entre outras.

Comitiva empresarial mato-grossense que representa 523 indústrias associadas ao Centro das Indústrias Produtoras e Exportadoras de Madeira de Mato Grosso (Cipem)

“O Cipem (Centro das Indústrias Produtoras e Exportadoras de Madeira de Mato Grosso) e o Fórum (FNBF) tem dado todo apoio, no intuito de abrir novos mercados e conhecer novos clientes”, destacou o presidente da Fiemt, Silvio Rangel, reforçando a importância de participação na Carrefour International du Bois, maior evento do segmento e que funciona como um termômetro do mercado da madeira.

“É muito positiva essa presença na Feira. Nossa empresa há vários anos participa, mas não tínhamos uma base instalada para representar nosso Estado e o setor de base florestal do Brasil. Ter a retaguarda do Estado, do Cipem, do Fórum das Atividades de Base Florestal (FNBF) foi muito bom, nos deu um lugar, um nome, para ampliar os contatos e o comércio, tanto das empresas que já exportam como daquelas que querem iniciar esse comércio”, afirma o empresário e associado do Sindicato de Laminados e Compensados (Sindilan), Siderlei Luiz Mason.

Compartilhe:

você vai gostar...
Relacionado

Piloto argentino de 9 anos morre após sofrer acidente no Autódromo de Interlagos

Segundo o SuperBike Brasil, Lorenzo estava internado no Hospital...

Na semifinal da Série A3, Ação aguarda confronto entre Coritiba e Vasco

Enquanto espera, o Tuiuiú Pantaneiro segue com os treinamentos...

ETAPA TERRA NOVA – Definidos os semifinalistas da Copa Cuiabana de Futebol 7 Society 2024

A equipe dos Unidos da Rua 26 do técnico...

37% de mulheres preferem investir na carreira profissional do que se dedicar à vida materna

Cada vez mais, empresárias optam por não viver a...
Feito com muito 💜 por go7.com.br